No dia 5 de maio, acontecerá a prova de segunda etapa do XXVIII Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), organizado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Para o exercício da advocacia, além de concluir o curso de Direito, é necessária aprovação no Exame da OAB. E a Dom Helder ostenta o melhor índice de aprovação dentre as faculdades privadas de Minas Gerais.

Um exemplo do comprometimento dos alunos da instituição foi registrado no último sábado (13): sala lotada para acompanhar a segunda aula do seminário temático ‘Intensivo para 2ª etapa da OAB de trabalho - XXVIII Exame da OAB’, ofertado pelo professor Thiago Loures.

De acordo com a proposta do seminário, são abordadas as principais peças cobradas nos últimos exames da OAB em Direito do Trabalho, com baterias de exercícios para que os alunos desenvolvam uma técnica de redação adequada e aproveitem para revisar o conteúdo de direito material e processual do trabalho. Tais exercícios de encaminhamento reforçam a pedagogia inaciana, que é a pedagogia adotada na Dom Helder, inspirada nos exercícios espirituais de Santo Inácio de Loyola e na prática de ensino dos jesuítas, com quase quinhentos anos de experiência e seriedade na educação.

“Desde o XXVI Exame da OAB, oferto o seminário temático preparatório para a 2ª etapa em Direito do Trabalho, e percebo uma evolução constante do engajamento dos alunos, que se dedicam muito pela aprovação no Exame de Ordem. Atualmente, realizamos 4 encontros, todos aos sábados, com duração de 4,5 horas, para focar nas principais peças cobradas no exame (inicial, contestação, recurso ordinário), e ainda rever outras peças e outros momentos processuais, como peças na fase de execução, além de baterias de exercícios e simulados”, conta o professor Thiago.