A Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE) promoveu, no último sábado (8), a primeira atividade presencial do Campeonato Estadual de Matemática (CEM). O workshop foi voltado para os professores treinadores das equipes classificadas, que puderam convidar até dois alunos para acompanhá-los. “O objetivo deste encontro é estabelecer uma relação mais próxima dos participantes com a comissão organizadora e orientá-los com relação às próximas fases”, afirmou a professora Aline Oliveira, da EMGE, que conduziu o workshop juntamente com a pró-reitora Anacelia Santos Rocha.

Confira as fotos!

No total, mais de 5 mil alunos, matriculados em 226 escolas públicas estaduais de Minas Gerais, se inscreveram para participar do CEM. Após a etapa de seleção, o campeonato conta agora com 1587 alunos classificados, oriundos de 173 escolas. “Temos aproximadamente 1800 pessoas envolvidas, entre inscritos, orientadores e membros da comissão organizadora. Sabemos que a matemática é ferramenta necessária para o desenvolvimento de uma nação, então o nosso objetivo é estimular o seu estudo por meio de uma atividade lúdica e interessante. Esperamos que vocês tenham muito sucesso e que se divirtam também durante os próximos meses”, completou Aline.

O professor Plínio Santos, da EMGE, e o assistente de informática Diegton Rodrigues Barbosa também participaram do workshop, repassando informações importantes sobre a estrutura das próximas etapas, as avaliações de desempenho e o funcionamento da plataforma para envio e recebimento das atividades. Ao final, esclareceram as dúvidas da plateia, juntamente com as professoras Aline e Anacélia. Confira as principais orientações ao final da notícia!

“O nosso grande desafio é proporcionar ao aluno do ensino médio uma experiência do ensino superior, tanto na área das ciências sociais, com a Dom Helder, como das ciências exatas, com a EMGE. Já somos vencedores por ter vocês aqui. A professora Aline irá programar os dias em que a escola estará aberta para recebê-los. Vocês poderão treinar, estudar e utilizar os computadores. Desejo a todos um excelente campeonato! ”, afirmou Anacélia Santos.

Entusiasmo

Ao final do evento, o professor Gilvan de Resende Santos, orientador da equipe da Escola Estadual Imperatriz Pimenta, em Ibirité, afirmou que a iniciativa da EMGE tem se destacado como uma ferramenta de inclusão. “O campeonato promove essa aproximação com o ensino superior, reforça o que dizemos em sala de aula: ‘a única forma de vocês se incluírem é através de estudos’. Oportunidades aparentemente impossíveis, como conhecer a NASA, se tornam possíveis. Eles ganham entusiasmo para pensar em um futuro melhor, o que está cada vez mais difícil nessa situação econômica que atravessamos”, compartilhou Gilvan.

Para a professora Cintia Rodrigues de Oliveira, da Escola Estadual Júlia Pereira dos Santos, em Sarzedo, o campeonato contribui com um dos principais desafios vivenciados pelos docentes: mostrar aos alunos a importância da matemática. “A Cintia sempre penou comigo”, brincou a estudante Jéssica Barros, 3º ano, que acompanhou a professora no workshop. Escolhida para integrar a equipe da escola, Jéssica contou que nunca foi fã de matemática, mas gosta de raciocínio lógico. “Eu jogo xadrez, participo de campeonatos. Fiquei bastante animada com o CEM, tenho dificuldade de aprender sem estímulo, acho que a maioria dos alunos é assim. É ótimo quando temos uma oportunidade”, afirmou.  

Orientações principais

O CEM é promovido pela EMGE, com realização do Centro de Simulação e Intercâmbio (CSI) e apoio da Dom Helder Escola de Direito, do portal Dom Total e do Movimento EcoDom.

  • O professor treinador tem até sexta-feira (14) para registrar na plataforma a indicação do estudante líder da equipe.
  • A próxima etapa do campeonato será composta por dois desafios, com lançamento previsto para os dias 5 e 19 de agosto. Tanto o envio do desafio quanto o recebimento da proposta de solução serão   realizados pela plataforma eletrônica.
  • As equipes que não postarem soluções para ambos os desafios serão automaticamente eliminadas do Campeonato Estadual de Matemática.
  • No período de 10 a 23 de setembro, os estudantes da equipe competidora receberão exercícios semanais em preparação à grande final do CEM. 
  • O professor treinador, juntamente com o diretor e toda a equipe pedagógica da escola deverão selecionar os dois estudantes com melhor desempenho nas atividades do CEM para representar a escola na etapa final do campeonato, que será realizada no dia 5 de outubro.
  • Na ocasião, as duplas escolhidas serão submetidas a desafios matemáticos aplicados e de raciocínio lógico para serem resolvidos em tempo real. O resultado do campeonato será divulgado no mesmo dia, ao final do evento.
  • A entrega dos prêmios às duplas vencedoras será realizada durante a caminhada Ecológica do Movimento EcoDom, no dia 22 de novembro.

Premiação e bolsas

A EMGE dará uma viagem como prêmio às duplas vencedoras e aos seus respectivos professores treinadores.

  • 1º lugar: Kennedy Space Center/Space Shuttle Atlantis na Flórida, EUA.
  • 2º lugar: Memorial Aeroespacial Brasileiro (MAB) em São José dos Campos, São Paulo, Brasil.

Também serão distribuídas 70 bolsas de estudo para os cursos da EMGE em 2020, assim distribuídas: 35 para o curso de Engenharia Civil (30 para alunos e 5 para professores) e 35 para Ciência da Computação (30 para alunos e 5 para professores).

Contato

Dúvidas sobre o Campeonato Estadual de Matemática podem ser enviadas para o e-mail: csi@emge.edu.br.

Dúvidas sobre a Plataforma do CEM devem ser enviadas para: informática@domhelder.edu.br.